sábado, 17 de outubro de 2009

Casa de Zama Alves Pereira

O Senhor Zama (sogro do Artista) residia e tinha um comércio na mesma casa, com uma separação entre residência e comércio.
As portas laterais (situadas na Rua Olegário Maciel) e duas da frente (situadas na Av. Getúlio Vargas) eram relacionadas com o comércio. A terceira porta da frente e as janelas, com a residência.
A casa mantém estas características até hoje. A tela pertence à Hélida - filha de Zama e irmã de Lourdes Tibúrcio, esposa de Zarico - que reside na casa.
Observa-se que ao lado da casa de Zama Alves o Artista também pintou o Teatro Municipal Leão de Formosa.
.

2 comentários:

Thais Caixeta disse...

Boa tarde, sou estudante de arquitetura e estou fazendo um trabalho sobre a historia e a cultura de Patos de Minas. Estou tentando montar um planta para esta casa que é a segunda mais antiga da região, talvez possa me ajudar com a descrição dos cômodos.
Muito obrigada.
Thais Caixeta

Rosana Tibúrcio disse...

Thais, aqui é Rosana, filha de Zarico. Mande-me uma mensagem inbox, via facebook - procure por meu nome, há um fake de Sao Paulo que usa minha foto e meu nome, observe qual é de Patos - que conversamos a esse respeito. Talvez eu possa mediar um encontro seu com Tia Hélida que ainda mora nesta casa. Abraço